Você já se sentiu sem rumo? Uma sensação de que nada que você fizesse valesse a pena? Uma angústia por ver o tempo passando sem que você estivesse realmente feliz e plena com sua trajetória?

Nós nos sentíamos exatamente dessa maneira, mas não sabíamos exatamente o que seria. Depois de muito pesquisar, compartilhar, conhecer novas pessoas, ler novos livros, mergulhar em um mundo novo, descobrimos exatamente do que se tratava. A resposta era única para nós dois: nós não estávamos seguindo nosso propósito de vida. A análise define como “propósito de vida” um senso de significado e direção, que traz uma sensação de que a vida vale a pena ser vivida.

Propósito de vida

No momento em que descobrimos o quanto nossa vida poderia ser muito mais criativa e cheia de significados, a dor de não cumpri-lo e seguir adiante era tão profunda que nós já não poderíamos permanecer no mesmo lugar e assim começou nossa busca pelo sentido da nossa própria vida.

No fundo, você sabe que há algo especial destinado a você. Você está aqui por alguma razão: Deus, o universo, o que quer que você acredita, o coloca aqui por uma razão e provavelmente você está se sentindo um desejo de descobrir o que seu chamado é e pra isso, você precisa parar de se esconder e começar a agir exatamente por ele e por você mesmo.

Então, acredite: seus talentos foram divinamente dados a você e é o seu dever colocá-los em uso e compartilhar. Se você não viver com um real propósito, isso pode ser muito doloroso. Eu sei porque estivemos lá, vivendo uma vida insatisfeita e insalubre. Mas se você encontrar seu propósito, a vida torna-se incrivelmente alegre e abundante, o mundo se torna um lugar melhor.  Além de tudo isso, ter um propósito na vida definido pode reduzir o risco de morte por doença cardíaca e de acidente vascular cerebral, de acordo com um novo estudo conduzido por pesquisadores do Mount Sinai St. Luke e do Mount Sinai Roosevelt, nos Estados Unidos.

Será que não é hora de você usufruir de seus dons em vez de se escondê-los? Aqui estão os primeiros passos para chegar mais perto de onde você realmente merece chegar:

1 – Entregue-se de corpo presente para o seu momento atual

Nenhuma outra pessoa tem as habilidades, talentos e experiências de vida que você tem. Liste suas paixões, liste o que faz seu coração vibrar. Se sentir dificuldade, pergunte a algum parente ou amigo o que você faz de especial. Você ficará surpreso de quanto você pode ter esquecido o que o empolga e também o que o diferencia.

2 – Sua infância.

Retornar ao tempo de quando você era uma criança e anote todas as coisas que você gostava de fazer. Relembre suas brincadeiras preferidas, seus brinquedos, os jogos que você jogou e fantasias que você tinha quando criança, pode ter certeza que vão oferecer pistas para o seu propósito de vida.

3 – O que você faria se o dinheiro não fosse uma preocupação?

Encontre algum tempo para focar nessa resposta. O que você faria independente do retorno financeiro? Tente pensar nisso na parte da manhã, quando você pode se conectar com seu eu superior e permitir que sua alma possa falar com você. Você vai começar a ter uma direção clara no que diz respeito às suas verdadeiras paixões, que são grandes pistas sobre o seu propósito de vida.

4 – Localizar padrões repetitivos

Depois de fazer esses exercícios rápidos, procure padrões, se atente ao que mais apareceu e faça um link entre todos. Tenha cuidado para não julgar o que você acha que poderia ser o seu propósito de vida só porque você não foi pago para fazer isso no passado. Você tem o poder de mudar isso e você merece ter retorno financeiro para fazer o que você ama.

5 – Permita-se

Seu propósito de vida único claramente vem para a luz quando você entra em contato com você mesmo, é uma busca interna, de dentro pra fora. Então, se entregue para essa busca, leia, procure conhecimentos, tente se conhecer, se entregue a você mesmo, conheça mais blogs (tem vários que nos ajudaram, como por exemplo: Recalculando a Rota e se possível, faça coaching com alguém de confiança.

Será que não chegou o seu momento de contribuir com seus talentos únicos para o mundo e ficar saudável e feliz com o que você faz? O mundo precisa de você.

Thiago Campos é jornalista. Lívia Duccini é psicóloga. Sonhadores e curiosos, são apaixonados por viagens, gastronomia, escrever e pela simplicidade dos pequenos momentos. Acreditam em um mundo melhor, onde as pessoas possam trabalhar com o que amam e realizar os seus sonhos.
Gostou? Compartilhe!Share on Facebook0Tweet about this on TwitterGoogle+0