Muita gente acredita que basta mudar alguma coisa na vida que significa empreender – mudar de emprego, abrir um negócio, mudar de profissão, comprar algo, etc. Contudo, o conceito de empreendedorismo, apesar de simples, ainda é deturbado ou desconhecido entre a maioria dos brasileiros. Afinal, o que é empreender?

Outro fato é que empreender não se refere apenas ao mundo dos negócios ou à vida profissional. Empreender é uma atitude que começa no dia a dia, nas decisões e atitudes pessoais do indivíduo. Afinal, nem todo empresário é necessariamente um empreendedor; nem todo empreendedor segue o caminho dos negócios.

O que é empreender?
O que é empreendedorismo?

Empreender é a forma de pensar e agir de modo inovador, identificando e criando oportunidades, inspirando, renovando e liderando processo. E isso não é tão fácil na prática: é preciso ter um toque de entusiasmo e carisma, conquistar as pessoas que convivem com você, combater a rotina, entender e superar as diversidades, assumir os riscos em prol de um objetivo. Entender que o ato de empreender inicia como uma postura pessoal é o primeiro passo se você deseja ir além em seus objetivos.

Tendo esta atitude pessoal de buscar sempre fazer algo diferente, de encontrar saídas inusitadas para os problemas, de se adaptar e promover mudanças é fundamental para avançar em um negócio. Desta forma, é importante analisar a sua situação e as suas limitações antes de criar um plano de ação. Estas qualidades – mais o espírito de aventura que todo empreendedor possui – farão a diferença para o seu sucesso. Inovar talvez seja a principal característica do empreendedorismo, mas não é a única, como você verá mais abaixo.

Oba! Eu quero empreender!

Vejamos alguns fatos sobre os empreendedores brasileiros: a cada 100 brasileiros adultos, 13 podem ser considerados empreendedores no sentido de propor um novo negócio ao mercado. Abrir uma empresa no Brasil é até bem fácil. O problema está em manter o espírito de inovação e persistência diante de um mercado tão competitivo. Não é à toa que boa parte das empresas fecham antes mesmo de completarem um ano.

Para ter êxito, o empreendedor precisa ter as seguintes características – veja em seguida como estes aspectos são importantes:

Inovação
Conhecimento
Planejamento estratégico
Paciência
Adaptação
Persistência
Iniciativa
Correr Riscos
Liderança
Qualidade
Criatividade

É preciso oferecer ao mercado algo diferente e que ganhe destaque – pode ser um produto ou serviço de grande utilidade, uma forma de atendimento inusitada e com qualidade, vantagens de entrega, etc. É preciso motivar o cliente a experimentar a sua proposta e dar a ele o que ele muitas vezes nem sabe que precisa – isso irá surpreendê-lo na certa!

O mercado está em crise e aproveitar as oportunidades – transformando-as em algo útil para a sua empresa e para o cliente – é outra característica de quem quer ganhar o mercado no Brasil. A crise é sempre uma situação de atenção, mas é também repleta de oportunidades para quem souber se adaptar e fazer diferente – inovar! Basta que você tenha iniciativa!

O que é empreenderConhecer o mercado – os clientes, a concorrência, o seu próprio produto, a sua própria empresa, os fornecedores, tipos de investimento, possíveis parceiros, etc. – é garantir informações importantes para a sua tomada de decisão. Jamais deixe de buscar as informações sobre o jogo, pois o mercado muda constantemente. É o conhecimento que permite o planejamento estratégico.

Saiba que ao empreender você sempre correrá riscos – esta é outra característica que todo empreendedor possui. Os riscos poderão ser calculados, mas eles sempre estarão à sua espreita. Imagine da seguinte forma: tudo que há hoje exigiu um pouco de risco a alguém. Erros e desafios também devem aparecer no seu caminho, e o processo de aprendizagem para o empreendedor é uma constante.

Entenda que os lucros não chegarão da noite para o dia. É preciso ter muita paciência para ver resultados. No momento em que dominar a ansiedade e a impetuosidade de forma calculada, terá mais visão do todo e foco no seu trabalho.

Thiago Campos é jornalista. Lívia Duccini é psicóloga. Sonhadores e curiosos, são apaixonados por viagens, gastronomia, escrever e pela simplicidade dos pequenos momentos. Acreditam em um mundo melhor, onde as pessoas possam trabalhar com o que amam e realizar os seus sonhos.
Gostou? Compartilhe!Share on Facebook0Tweet about this on TwitterGoogle+0