“Com realizações de nosso próprio potencial e auto-confiança em nossa capacidade, podemos construir um mundo melhor.”Dalai Lama

Por grande parte da minha vida eu não acreditei que poderia fazer a maioria das coisas que eu queria fazer. Eu sabia que eu queria estar em um relacionamento, mas eu tinha receio de começar um e estragar tudo. Eu gostaria de me apresentar na Broadway, mas mesmo me mudando para Nova York, eu não tinha coragem para fazer um teste. Eu queria ser escritora, mas eu achava muito difícil ter um livro publicado.

Há muitas coisas que envolvem superar estes medos. Você talvez tenha que desafiar os limites de suas crenças formadas anos atrás, ou sair de uma situação onde outra pessoa tenta minar suas habilidades. Abordaremos pontos que definitivamente irão ajudar a trabalhar em sua auto-confiança.

auto-confiança

Não tenho certeza se a confiança pode ser aprendida. Então fiz esta pergunta no Facebook para ver o que os leitores tinham a dizer e então usei as respostas deles para moldar os passos descritos abaixo:

1. Use a confiança que nasceu junto com você

Eu sinto como se algo estivesse sempre lá, algo que nasceu com você e que se perde ao longo do caminho, ou que é roubado por outras pessoas. Às vezes, você tem de cavar fundo para achar isso novamente.Amy Lee Tempest.

Você não saiu do ventre incerto se iria chorar ou incerto quanto ao tamanho do seu cordão umbilical. Você nasceu alegremente inconsciente de julgamentos externos, preocupado apenas com o que você sentia, e com suas necessidades. Eu não estou sugerindo que você deveria ser alheio as outras pessoas. É apenas para tentar ajudar a se lembrar que a confiança era parte de sua natureza original antes do tempo começar a moldar isso.

Uma vez que você tenha desenvolvido um senso de autoconsciência, você começa a formar dúvidas e inseguranças sobre como outras pessoas te vêem. Você aprendeu a desejar elogios e evitar criticas, e talvez você começou a desanimar por não ter tudo o que você queria.

Quando você começar a se sentir inseguro, lembre-se: todos nascemos com confiança, e todos podemos ter isso de volta se nós aprendermos a silenciar os pensamentos que nos ameaçam.

2. Conheça seus pontos fortes e fracos

A medida que você aprende quem você é, você ganha confiança em seus pontos fortes e também aprende suas fraquezas.Ângela Birt

Aprender quem você é não acontece enquanto você dorme. Por um lado, pode ser difícil saber quais partes de você, realmente são você, e quais partes são quem você acha que deveria ser.

Um bom começo é identificar seus pontos fortes e fracos e então ponderá-los contra o que você gosta. (Se você é bom em vender, mas atualmente você não pode ser um vendedor, isso não tem a ver com confiança. A menos que isso tenha a ver com seu ego – isso realmente faz você feliz?)

Para ajudar, liste cinco itens que você faz bem e gosta, e cinco coisas que você gostaria de fazer melhor. Faça um esforço em utilizar algum item da primeira lista e trabalhe na segunda lista todos os dias. A medida que você progride e melhora onde há margem para melhorar, você vai desenvolver tanto confiança quanto o senso de realização simultaneamente.

3. Espere o sucesso

Confiança vem do sucesso, e confiança ligada a outras qualidades, pode torná-lo bem-sucedido, apesar de não tê-lo completamente. Isso requer uma mudança na atitude mental de esperar o sucesso. E isso por si só, pode trazer muito mais sucesso, reforçando a confiança. Emergindo em espirais.Jason Hihn

Pode parecer estranho dizer para esperar o sucesso já que você não pode prever o futuro. Mas nós não criamos alternativas o tempo todo? Alguma vez você entrou em uma situação estressante presumindo o pior – de que alguma coisa iria dar errado?

A sabedoria convencional sugere que é sábio esperar o pior para que você não se desaponte se falhar e você ficará supresso se tiver sucesso. Mas pesquisas sugerem que está não é uma verdade universal. Pessimistas podem minar seu desempenho criando “profecias” que podem acontecer.

Encontre o sucesso a cada dia e você verá que pouco a pouco, eles irão aumentar.

4. Acredite em sua capacidade

Confiança vem não de se pensar que você sabe tudo, mas de saber que você pode lidar com o que vier.Donn King

Ninguém no mundo sabe tudo. Todos são bons em algumas coisas, mas não tão bons em outras coisas. Não pondere a sua segurança contra o que você pode ou não pode fazer; pondere isso contra sua vontade e capacidade de aprender.

Se alguém te criticar, use esta oportunidade para melhorar. Se alguém faz algo melhor do que você, veja isso como uma oportunidade de aprender deles. Se você falhar em alguma coisa, pense que você pode se sair melhor na próxima vez. Não se preocupe se você está ou não confiante no que você faz agora – esteja confiante no seu potencial.

auto-confiança

5. Abrace o desconhecido

Confiança surge entre a humildade. Ele é causado quando nós desafiamos ver o mundo através de lentes alternativas. Isso cresce quando nós temos a coragem para abraçar a experiência do desconhecido e do irreconhecível.Hana Lee

As pessoas com freqüência pensam que confiança significa saber que você pode criar o resultado que deseja. Isso funciona até certo ponto, mas está idéia não é uma verdade universal para todos. Não importa quão talentoso, esperto e capaz você é, você não pode prever ou controlar tudo o que acontece na sua vida.

Mesmo pessoas confiantes perdem seus empregos, relacionamentos e algumas vezes, sua saúde.

Auto-confiança vem de saber sua competência, e compreender que você não é o único responsável por criar seu mundo. Quando você carrega este peso sob seus ombros e entende que algumas vezes as voltas e reviravoltas não tem nada a ver com o que você fez ou deveria ter feito. É fácil sentir confiança quando você entende como tudo funciona.

6. Assuma riscos

Confiança é uma coisa engraçada. Você vai e faz coisas as coisas que você mais tem medo, e daí então a confiança aparece.Christopher Kaminski

Se você sempre faz coisas que você sempre fez, então obviamente você sente-se confiante.

Quando eu me mudei pela primeira vez para San Francisco, eu estava muito insegura quanto a relacionamentos. Eu me mudei várias vezes e gastei anos voando por ai para evitar ficar perto de alguém. Eventualmente, eu entendi que o único modo de fugir disso, era encarando-o. Eu nunca fui boa com relacionamentos, mas eu precisava me envolver, me atrapalhar, e aprender o que fazer e o que não fazer.

Eu tive que engatinhar, andar, cair, e repetir tudo de novo para me acostumar com a vulnerabilidade e o conflito. Eu cometi toneladas de erros, e muitos deles doeram. Mas eu vivo uma vida completa agora, e valeu apena todo o desconforto que me trouxe até aqui.

7. Aprenda a receber elogios

Confiança é conquistada através de reconhecimento positivo e reforço.Don La Franchi

É incrível como e fácil acreditar em todas as coisas negativas que as pessoas dizem e ainda desacreditar nas coisas positivas. Receber um elogio é uma arte. Às vezes, instintivamente pensamos que eles estão apenas sendo legais conosco ou que talvez você não seja realmente habilidoso – foi apenas sorte.

Ocasionalmente, isso pode ser verdade, mas a maior parte dos elogios que você recebe, são por merecimento. Não diga a si mesmo para não acreditar neles. Em vez disso, recicle isso com confiança. Você fez um trabalho fantástico; isso significa que pode fazê-lo de novo. Você teve um desempenho surpreendente, isso significa que você acredita que tem talento.

Outras pessoas querem que você tenha sucesso. Agora, você só tem que acreditar neles quando eles mostram que você é digna.

8. Pratique a auto-confiança

Isso pode ser praticado – e com a prática, você ficará melhor.Jacqueline Wolven

Como tudo na vida, sua auto-confiança vai melhorar se você praticá-la. Uma grande oportunidade de fazer isso é quando você conhece novas pessoas. Como se você fosse um aluno novo na escola, eles não tem idéia de quem você é – mas você tem a oportunidade de mostrar-lhes quem você é.

Quando você os cumprimentar, apresente-se, e ouça o que eles tem a dizer, assista seu monologo interno. Se começar a duvidar de si mesmo em sua cabeça, substituía seus pensamentos por outros mais confiantes. Pergunte-se o que uma pessoa confiante faria e então tente imitá-la.

Preste atenção a sua postura e seu tom. Debruçar-se e murmurar vão fazê-lo parecer menos confiante, então fique ereto e fale de modo calmo e claro.

As pessoas tem a tendência de vê-lo como você quer ser visto, se eles perceberem que você se vê desta forma.

Você pode ter auto-confiança em algumas áreas e não ter em outras, é assim que acontece com todos nós. Comece pelas áreas que você se sente seguro.

Se você se sentir inadequado para determinada situação profissional, lembre-se de como se sente fisicamente em relacionamentos confiantes. Se você está inseguro no amor, lembre-se de como você se sente confortável rodeado de amigos.

Acima de tudo, lembre-se de que você é digno e capaz – tanto quanto qualquer um, independente de suas realizações, independente dos erros que você cometeu. Sabendo-se que o primeiro passo é acreditar em seu coração. Acreditar é a chave para viver. E viver é a chave para alcançar seu potencial.

Lori Deschene é americana de Revere, cidade localizada no condado de Suffolk, estado de Massachusetts, nos Estados Unidos. É fundadora do site Tiny Buddha e autora da série de eBooks Tiny Sabedoria, Guia Tiny Buddha do Amor Próprio e Tiny Buddha: Sabedoria Simples para Perguntas Difíceis da Vida. Também é co-fundadora do site Recrie a Sua História de Vida e criadora do eCourse que ajuda você a mudar a sua vida. Acredita que a busca pela felicidade tem que ser primordial na vida de qualquer pessoa.
Gostou? Compartilhe!Share on Facebook42Tweet about this on TwitterGoogle+0