Dois mil e quinze (2015) não será um ano fácil – conforme projeção dos especialistas. Parece que a situação deve seguir pelo menos até 2018. A falta de credibilidade do governo e a instabilidade financeira geram uma concorrência desmedida no mercado – seja qual for o segmento. Isso pode ser considerado tanto para as finanças pessoais como para o planejamento das grandes empresas. Planejar é a melhor estratégia para se preparar para tempos não tão favoráveis. Conheça 10 dicas para melhorar o seu planejamento financeiro diante da crise.

Planejamento Financeiro1) Tenha noção da sua condição financeira

É preciso conhecer bem a sua condição financeira (ou de seu negócio): quais as suas expectativas, quais os gastos e dívidas, quais as opções de crédito, quais os melhores serviços oferecidos pelo seu banco, etc. É preciso também viver conforme a sua condição real. Dois aspectos agravam a situação financeira (principalmente em fase de crise): não saber o quando gasta e gastar de forma errada. Reveja todo o seu orçamento e as opções que possui antes de comprar ou tomar uma decisão.

2) Saia do vermelho

Quando conhecer a sua situação real, o primeiro passo é sair do vermelho – o pagamento das dívidas, se houverem, são prioridade. Elas não deixarão de existir – mesmo que muitas pessoas teimem em ignorá-las. Algumas possuem juros bem agravantes – como as taxas do cartão de crédito e empréstimos. Comprometa-se em quitá-las antes de aumentar seus gastos. Negocie as suas dívidas e não deixe que elas se prolonguem.

3) Gastos extras fazem parte do orçamento

Ao invés de ter surpresas em seu orçamento, coloque um valor fixo para os seus gastos extras – aqueles que não são fixos mensais. Este valor estará reservado para presentes e mimos pessoais – os especialistas garantem que estes gastos correspondem a apenas 5% do seu orçamento, não mais.

4) Quem economiza sempre tem

Pode até ser um ditado antigo, mas se você economizar, terá alguma chance de realizar os seus sonhos. Separe de 10% a 30% de seus ganhos mensais – conforme o seu comprometimento na quitação de suas dívidas – e aplique em algum investimento rentável. Há muitas opções no mercado. Converse com o seu gerente ou com um consultor financeiro.

5) Questione-se sempre

“Eu realmente preciso disso?” – este deve ser o seu mantra antes de qualquer compra. Para enxugar as despesas é preciso abrir mão dos supérfluos. Se a tentação for grande, pare todos os dias e reflita sobre o impacto das emoções no desejo de comprar. Todas as marcas apelam para as suas emoções para vender. Esteja sempre no controle de suas emoções!

Planejamento financeiro6) Acompanhe o seu orçamento

Tenha um controle frequente dos seus ganhos e gastos – pode ser uma planilha eletrônica, um caderno ou um aplicativo. É importante fazer inserções de informações diárias ou semanais. Isso dará perspectivas de como cuidar melhor do seu dinheiro e planejar o seu futuro.

7) Compare os preços

Não se canse de pesquisar antes de comprar. As diferenças de preço podem ser acima de 100% em muitos produtos. Compare entre diferentes marcas, diferentes lojas e diferentes épocas. Não sossegue até encontrar vantagens reais.

8) Pague à vista

Este é um dos grandes conselhos em tempos de crise: pagar à vista é um grande aliado no seu planejamento financeiro. Para melhorar os seus resultados, não comprometa o seu orçamento com gastos a prazo. Assim terá mais controle do seu dinheiro.

9) O cartão de crédito serve para emergências

Deixe o cartão de crédito em casa. Ele serve apenas para compras programadas ou emergências. O cartão de crédito é ainda o recurso que mais gera problemas na vida financeira do brasileiro.

10) Tenha metas reais

Depois de tanta economia no seu planejamento financeiro, tenha objetivos específicos em curto, médio e longo prazos. Para cada meta, crie um plano de ação com o que precisa fazer para conquistá-las semanalmente. Registre as suas ações, coloque prazos e alinhe os recursos necessários para atingir as suas metas financeiras. Depois, é só comemorar os resultados!

Thiago Campos é jornalista. Lívia Duccini é psicóloga. Sonhadores e curiosos, são apaixonados por viagens, gastronomia, escrever e pela simplicidade dos pequenos momentos. Acreditam em um mundo melhor, onde as pessoas possam trabalhar com o que amam e realizar os seus sonhos.
Gostou? Compartilhe!Share on Facebook33Tweet about this on TwitterGoogle+0